quinta-feira, 3 de abril de 2014

'Há muitas razões para se envolver em atividades físicas e intelectuais'

Compartilhamos hoje mais um trecho de entrevista que o professor de Neurociência Cognitiva da Linguagem da Faculdade de Medicina da Universidade de Montreal, no Canadá, Yves Joanette, concedeu à revista do Kur. O diretor científico do Instituto de Envelhecimento dos Institutos Canadenses de Pesquisa em Saúde e diretor executivo da sua Estratégia Internacional de Pesquisa Colaborativa sobre a Doença de Alzheimer fala sobre a neuroplasticidade. Confira.


"O cérebro tem um potencial incrível para se reorganizar, um fenômeno conhecido como “plasticidade cerebral”. Esta plasticidade é sustentada pela introdução ou reativação de sinapses, as conexões reais entre as células do cérebro – neurônios - que é a base das redes funcionais do cérebro e que sustentam todas as dimensões da cognição. Pensou-se durante muito tempo que a plasticidade do cérebro limitou-se a indivíduos mais jovens. Hoje em dia, é bem conhecido que esta plasticidade pode ocorrer mesmo tarde na vida. É por isso que as estratégias para melhorar a saúde cognitiva do cérebro são úteis em todas as idades. 

Mesmo quando não se trata de uma doença neurodegenerativa que causa demência, a plasticidade do cérebro ocorre a fim de minimizar o impacto. Sem essa plasticidade, a demência aconteceria mais rapidamente e seria maior. A boa notícia é que, nos casos de uma doença neurodegenerativa inicial, a plasticidade do cérebro será mais eficiente se o indivíduo praticou a reorganização neurofuncional ao longo da vida. Em outras palavras, as estratégias mencionadas, que são conhecidas para favorecer envelhecimento cognitivo saudável, também são conhecidas por oferecer maior reserva cerebral quando ocorre uma doença neurodegenerativa. Isso significa que, não só é importante a instalação, mas também o ritmo, e o cérebro do indivíduo com maior reserva cognitiva será mais eficiente e pode retardar o início dos sinais clínicos de dois a três anos.

Em resumo, há muitas razões para se envolver em atividades físicas e intelectuais, que são conhecidos por fazerem bem para o cérebro; tanto para o envelhecimento cognitivo saudável como para compensar a demência se uma doença neurodegenerativa aparecer".

quarta-feira, 2 de abril de 2014

'Não me planejei. E agora, o que fazer?'

Por Michael Zanchet
Psicólogo do Kurotel 

"Você foi para suas férias e não se planejou, cometeu excessos e está perguntando-se o que fazer? Vamos analisar. 
Talvez, você esteja com uns quilos a mais, a roupa está apertada e gerando desconforto, autoestima fragilizada, não conseguindo romper com os padrões de comportamento estabelecidos nas férias, sem ânimo para recomeçar os exercícios físicos, cansado para trabalhar. 
Primeiro, esqueça o que passou e não criei padrões de metas passados, pois eles não voltarão. Vamos estabelecer pequenas metas, mas alcançáveis e que vão nos motivar. O importante é começar. Funcionamos por condicionamentos, tanto para o positivo quanto para o negativo. A tarefa mais árdua é romper com a inércia. O pensamento influência nosso humor e comportamento. Quando estou parado posso criar diversos subterfúgios sabotadores: “não gosto de exercícios físicos”, “tenho preguiça”, “amanhã eu começo a dieta de novo”, “hoje é uma ocasião especial”, “eu mereço” ...
Refletir sobre os nossos pensamentos auxilia a tomarmos decisões conscientes e quando isso ocorre, modificamos padrões de comportamentos estabelecidos e gerenciamos nossas emoções de maneira mais adequada. Esse é o papel da terapia cognitiva-comportamental, romper com crenças pré-estabelecidas, que geram sintomas emocionais e comportamentos inadequados. O terapeuta auxilia no reconhecimento desses pensamentos disfuncionais, num trabalho colaborativo junto com o cliente, treinando cognitivamente a modificação desses padrões e estratégias errôneas, que podem estar gerando dificuldades emocionais. 
Permita-se ser você com suas virtudes, seus defeitos, buscando refletir sobre si e suas motivações, para que alcance seus objetivos".
Orientações
- Planeje seu ano, mês a mês, acompanhando semanalmente.
- Estabeleça metas imediatas, a médio e longo prazo, traçando os caminhos a serem percorridos para alcançar seus objetivos,
- Exercita-se pelo menos 3 horas por semana - lembre que a semana tem 168 horas.
- Utilize técnicas de relaxamento (massagem, respiração diafragmática, banheira de hidromassagem, sauna, yoga, meditação).
- Determine sua jornada de trabalho, tenha demarcado horário para a vida pessoal.
- Cultive as amizades e tempo para a família.
- Evite o uso regular de bebidas alcoólicas e que contém cafeína.
- Evite o tabagismo.
- Não use medicações sem recomendação médica.
- Organize tempo para sua individualidade.
- Lembre o tempo é igual para todos. O dia tem 24 horas e a organização do tempo é questão de preferência.
- Exercite e aprenda a dizer “não”, pois é através das escolhas e prioridades, que organizamos nosso tempo;
- A vida é feita de perdas, a cada escolha perdemos e deixamos de fazer algo, cabe a você ser o protagonista da sua história e optar por escolhas positivas.
- Por fim, se tiver verdadeira fome: alimenta-se; se tiver com sede: beba água, se sentir-se angustiado, ansioso: respire, utilize técnicas de relaxamento, caminhe; se tiver triste: converse com alguém, vivencie sua tristeza, para que no outro momento sinta-se melhor.
- Caso você esteja num momento de vida conturbado e com dificuldade de organizar-se e gerenciar suas emoções, busque ajuda especializada. O Psicólogo e o Psiquiatra são profissionais que podem lhe auxiliar.

terça-feira, 1 de abril de 2014

O que a temperatura pode dizer sobre sua saúde?


Termografia Infravermelha, ou Termometria Cutânea é uma técnica que permite mapear o corpo ou uma região com o intento de distinguir áreas de diferentes temperaturas. O exame é sem contraste, indolor, não invasivo, sem radiação, rápido para a captura de imagens e sem contra indicação, é realizado em aproximadamente 60 minutos entre preparo e filmagem.

A energia resultante da atividade metabólica e microvascular orgânica do corpo é irradiada e captada por essa câmera ultra-sensível com lentes especiais e tecnologia avançada de processamento de última geração. A câmera transforma uma radiação infravermelha invisível ao olho humano em uma imagem visível. Detecta a energia emitida pelo corpo, modifica esta energia e nos mostra a imagem infravermelha.

Este novo método de diagnóstico por imagem é possível avaliar se há atividade inflamatória lesiva em estruturas do corpo como: tendões, músculos, nervos e vasos sanguíneos muito antes das manifestações de dor. O exame permite avaliar o prognóstico clínico e, consequëntemente, resolver mais objetivamente as questões médicas.

Como qualquer outro exame, não deve ser utilizado isoladamente em substituição ao exame clínico ou aos demais meios complementares de diagnóstico. É uma valiosa ferramenta para a área médica e fisioterapêutica, por sua hábil função, tanto na prevenção primária da saúde quanto auxiliando no tratamento.

Conforme estudos publicados, a termografia abre caminho para uma nova forma de abordagem diagnóstica na área da saúde, principalmente com relação às características demonstráveis pelos outros exames de imagem, porém com alterações funcionais ou queixa de dor. É uma valiosa ferramenta para a área médica e fisioterapêutica, por sua hábil função na Prevenção Primária da Saúde.


Um exemplo é a termografia infravermelha de mama. Ela permite diagnóstico mais precoce possível - os primeiros sinais  podem ser detectados de oito a dez anos antes de qualquer outro método e ela revela 91% tumores não palpáveis. Com isso, aumenta a sobrevida em mais de 61%. Além disso, é um exame inócuo.

O infravermelho é ideal para mulheres jovens nas quais a mama mais densa dificulta o diagnóstico por mamografia - 70% das biópsias resultam em falso positivo após a mamografia.  O infravermelho é um "marcador clínico" ao médico que uma área específica da mama necessita uma avaliação mais acurada. É, atualmente,  o meio mais precoce de detecção de câncer de mama.

segunda-feira, 31 de março de 2014

Suplemento de Zinco reduz peso e triglicerídeos


Artigo publicado no Advanced Pharmaceutical Bulletin apontou os efeitos benéficos da suplementação de zinco em homens e mulheres obesos. O estudo conduzido por Laleh Payahoo na Universidade de Ciência Médica Tabriz no Irã envolveu 60 participantes obesos com idades entre 18 e 45 anos, divididos em dois grupos: uma recebia 30mg de gluconato de zinco e o outro placebo, ao longo de um mês. Também foram coletadas amostras de sangue para análise dos níveis de zinco sérico, triglicerídeos, colesterol e frações e glicose, antes e depois do período de tratamento.

A dose do zinco utilizada no estudo foi maior do que a indicada pelo Institute of Medicine´s Dietary Reference Intake , que é de 8 a 11mg/ dia. Embora não tenham sido observadas alterações significativas nos níveis de glicose, colesterol total, LDL e HDL, houve uma redução significativa nos níveis de triglicerídeos e aumento dos níveis séricos do mineral entre os participantes que receberam a suplementação de zinco. Esta também surtiu resultados na redução do peso, índice de massa corporal e circunferência da cintura.

sábado, 29 de março de 2014

Curcumina, um poderoso antioxidante


A Curcumina, ingrediente ativo da cúrcuma, é um pigmento amarelo encontrado no rizoma da planta cúrcuma longa que possui propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e anticâncer. Entretanto, outros efeitos biológicos têm sido explorados, entre eles, efeitos antiprotozoários, antimicrobianos, antivirais, diminuição do colesterol, sua aplicação em doenças cardiovasculares, diabetes e em doenças neurodegenerativas como esclerose múltipla, doenças de Parkinson e Alzheimer.

A eficácia da curcumina a faz um componente de grande potencial para tratamento e prevenção de diversas doenças. Estudos apontam que a curcumina possui efeitos celulares que incluem a parada do ciclo e inibição da proliferação celular e indução da apoptose em células cancerígenas. A curcumina inibe o fator nuclear NG-kB, que está presente em praticamente todos os tipos de cânceres suprimindo a apoptose de diversos tumores. 

Entretanto, a curcumina possui uma baixa biodisponibilidade oral que é atribuída a uma baixa absorção no trato gastrointestinal, rápida biotransformação e uma rápida eliminação sistêmica. Após a administração, a curcumina é biotransformada no intestino e no fígado, sendo reduzida ou formando conjugados glicuronados ou sulfatados, que não possuem atividade farmacológica. Uma maior biodisponibilidade aumentaria o potencial de aplicação terapêutica da curcumina. A natureza lipofílica da curcumina, e consequentemente sua pequena solubilidade em soluções aquosas, é considerado um fato importante para a sua baixa disponibilidade após administração oral, uma vez que a solubilidade no conteúdo do trato gastrointestinal é fundamental para a sua absorção quando administrada por via oral.

O chá verde e do seu extrato parecem aumentar o efeito de alimentar curcumina. Um relatório de 1994 observou que a combinação de catequina, um polifenol do chá verde, e curcumina inibiu o crescimento do tumor em ratos e hamsters. Vários estudos mostraram que a ingestão de cúrcuma é extremamente segura mesmo em doses elevadas -  8g por dia foram bem toleradas. 

sexta-feira, 28 de março de 2014

Dra Mariela na Revista Caras

"Contribuir com o bem-estar das pessoas é motivo de alegria e satisfação para Mariela Silveira"
Veja a matéria da Revista Caras que conta a experiência da Dra Mariela em sua viagem à Índia.



A celebração dos 32 anos do Kurotel


O Kurotel celebrou seus 32 anos na noite de quarta-feira, dia 26 de março, com um jantar assinado pelo chef francês Aurelian Bondoux. Clientes comemoraram a data com Luis Carlos e Neusa Silveira, fundadores do Kurotel, e com as filhas Mariela de Oliveira Silveira, médica diretora do Kur, e Bárbara Silveira, também presentes no jantar. 

Dr. Luís Carlos falou aos convidados sobre o desenvolvimento do conceito do Kurotel, iniciada dez anos antes da data de sua abertura. Explicou que a opção de fazer jantares com chefs para celebrar o aniversário foi escolhida por ser a alimentação um dos pilares do Kurotel. “É através da alimentação que entregamos o melhor ou o pior às nossas células”, destacou Dr. Luis Carlos. 

“Por aqui passaram grandes chefs que, junto com a equipe de nutrição do Kurotel, criaram cardápios que encantam o paladar, encantam o olhar e contemplam o corpo com os nutrientes de que ele precisa. Cardápios leves, saudáveis e que levam em consideração quem tem restrições”, finalizou. 

Neusa Silveira, por sua vez, lembrou que a razão do trabalho do Kurotel são os clientes. E que o maior presente que a família recebe é ouvir nos corredores e no contato com os clientes palavras tais como “o Kurotel mudou a minha vida”. 


O CARDÁPIO DA NOITE

Como entrada, o chef Aurelian Bondoux serviu gaspacho e salada de legumes grelhados e quinoa. O prat principal foi magret de pato em molho de pimenta da jamaica e mel com purê de batatas, espinafre e pêras, acompanhados de maçãs com baunilha ou, como segunda opção, salmão com molho de azedinha e mix de grãos. A sobremesa foi melancia marinada com especiarias e mousse de iogurte. A noite se encerrou com o gaseificado Kur. Aurelian Bondoux é filho de Jean Paul e divide seu tempo entre os restaurantes de Punta del Este (o famoso La Bourgogne), Jose Ignacio, Buenos Aires, Mendonza e Rio de Janeiro.